É já amanhã a Black Friday… E Black Friday é sinonimo de perder a cabeça acompanhado do esgotamento do plafond do cartão de crédito!

No entanto venho dar algumas sugestões para enfrentar um dia com multidões e pilhas de roupa e claro para no final não arrancarem os cabelos quando virem o extrato bancário!

Nomeadamente a primeira sugestão, é saber o que tem no guarda-roupa, ter uma noção do que não deve possuir por inúmeras razões, como por exemplo, aspeto de muito usado, fora de época, não servir hoje, amanha e nunca mais etc… Fazer uma limpeza no guarda-roupa antes de sair e comprar mundos e fundos, para que na hora da compra, seja muito mais fácil escolher o que falta, e não cair em tentações (o cartão de crédito agradece).

Roupa confortável! Meninas esqueçam a classe e o glamour na hora de ir atrás dos descontos! Obrigatoriamente o uso de ténis ou sapatos confortáveis! Seguidamente eu por experiência própria vou sempre de vestido, pois é mais fácil quando se experimenta calças ou mesmo outras peças de roupa pois não tem de despir e vestir calças o dia todo!

Fazer uma lista no telemóvel! Para não cair em tentações de comprar tudo o que é barato, uma lista para nos guiarmos é essencial, e mais que os artigos estarem presentes na lista, convém anotar, o preço antes do desconto e depois do desconto, para verificar se vale mesmo a pena comprar!

Hora de ponta! A melhor hora para ir ás compras é quando a mesma abre ás 10h até ao 12h, pois está vazia ou quase! Está tudo arrumado, e consegue-se ter uma perceção melhor e mais abrangente, onde estão os artigos que procura e mesmo ter uma noção mais concisa dos melhores descontos! Evite ir ás compras durante as 13h até ás 20h, pois as lojas ficam lotadas de gente e não vai ter tanta paciência para escolher e procurar! Ás 21h até a loja fechar também é um bom horário, porém corre o risco de já não encontrar ou o seu tamanho ou o que tanto procurava.

QUALITY NOT QUANTITY! Este lema levo sempre que vou ás compras, mas na Black Friday temos que o pôr em pratica mais que tudo, pois é nesta época de descontos que encontra aquela camisola de caxemira por um valor muito acessível, ou mesmo uma mala que é investimento, compensa ir dar uma espreitadela nas lojas mais caras e investir, pois é algo que dura uma vida!

“Depois experimento em casa …”  Não interessa o tamanho da fila para o provador, o alivio que uma pessoa sente depois de experimentar algo que não ficava bem, e não sentir aquele arrependimento de dinheiro mal gasto por ter comprado essa peça de roupa, vale o tempo todo que esperamos para experimentar. Muitas vezes é muito complicado reaver o dinheiro ou trocar o artigo comprado, pois muitas lojas não aceitam tal situação.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *